Portal Oficial - Prefeitura de Itaipulândia

Prefeitura Municipal de Itaipulândia

O maior parque aquático termal está aqui

24/09/2012, as 16:09 - Assessoria de Imprensa

Foz do Iguaçu e região ganharão o maior atrativo turístico da América Latina, com a conclusão do Parque Termal Lago de Itaipu, em Itaipulândia.

Com o lazer cada vez mais em alta na cesta de consumo da população brasileira, parque aquático termal poderá ser diversão às famílias e turistas no entorno de Foz do Iguaçu

Em 2012, Foz do Iguaçu e região lindeira praticamente não sentiram o inverno brasileiro, muito pelo contrário; com temperaturas de 36º em pleno agosto, a vontade do morador, e do turista que passava pela região, era relaxar numa piscina de água fria. Programação, até então, pouco explorada na região da Tríplice Fronteira nessa época do ano, mas que deve mudar a partir do próximo inverno.

Em dezembro desse ano já serão inauguradas as primeiras atrações do empreendimento que se tornará, com a conclusão completa do complexo, o maior parque aquático da América Latina e o único com água termal natural aberto ao público para bilheteria. O Parque Aquático Termal Lago de Itaipu, localizado no município de Itaipulândia, a 60 km de Foz do Iguaçu, foi recentemente adquirido da Prefeitura do Município, por um grupo carioca de parques aquáticos, com 13 anos de experiência e sucesso com o Rio Water Planet, um complexo de grande porte localizado no Recreio dos Bandeirantes, Rio de Janeiro.

Com pouco mais de duas semanas de obras e um compromisso contratual de entregar mais de 10 milhões de reais em infraestrutura turística nesse grande complexo aquático para a região, o grupo carioca já ampliou a sua proposta de tamanho e número de atrações do parque, adquirindo de um empresário do setor turístico iguaçuense, equipamentos do Wet’n Wild, uma franquia de parques aquáticos norte-americana, que iria ser instalada em Foz do Iguaçu, mas que acabou ficando parada por alguns anos. “Com a compra desses equipamentos para o nosso parque aquático, dobramos nossa oferta de atrações, chegando a 45 equipamentos e suplantando o nosso próprio parque do Rio de Janeiro, que tem 40 atrações. Com isso, o município de Itaipulândia e a região de toda Foz do Iguaçu, terá o maior parque aquático da América Latina”, orgulha-se e assegura Júlio Gaspar, diretor geral da Rio Water Planet que está à frente das obras do projeto em Itaipulândia.

O projeto e as atrações

Numa área superior a 262 mil m², o parque aquático de Itaipulândia será o único do Brasil a oferecer duas piscinas de ondas num mesmo complexo. Além disso, terá um dos maiores tobogãs do mundo, e um dos mais cobiçados pelos amantes dos esportes de aventura, que é o chamado Bubba Surge – um tobogã gigante com oito pistas simultâneas de descida em botes para até quatro pessoas, que oferece a vantagem de possuir esteiras rolantes para a subida dos botes (nos demais parques aquáticos, os usuários sobem a extensão do brinquedo carregando seus botes nas costas).

O parque ainda vai contar com corredeiras de rio lento, em que é possível, num bote individual, contornar toda a extensão do parque numa trilha lenta, tranquila e sem sobressaltos; rio selvagem, onde se experimenta velocidades maiores, mais obstáculos e curvas mais radicais realizadas em botes similares; lagoons, que são áreas rasas com espreguiçadeiras e espaços para crianças, em que os pais aproveitam as piscinas na companhia dos pequenos; uma piscina termal inédita e única no país, com bares molhados envolvidos por uma grande área envidraçada, que mantém a temperatura do ambiente; diversos pontos de piscinas com bares molhados, onde é possível, dentro da água, aproveitar alguns drinks adultos e bebidas geladas para as crianças.

E ainda, áreas gastronômicas pensadas por nutricionistas, com diversas opções de snacks e alimentação saudável para todas as idades. Logo acima da principal piscina de ondas do parque, numa posição privilegiada de visão de todos os cantos do complexo, será instalado um telão de led gigante com aparato de som de última geração e palco, para grandes apresentações musicais e inclusive shows ao vivo. “Será possível trazer para dentro do parque grandes atrações artísticas de nível nacional”, assegura Gaspar.

Preocupação com o meio ambiente, saúde e segurança

Segundo o engenheiro da obra, Orlando de Mello, que aliás, é o mesmo que idealizou o projeto há oito anos para a Prefeitura de Itaipulândia, a palavra chave dessa gestão é “integração” e não exploração. “Estamos em busca de todas as licenças ambientais possíveis, de todos os órgãos competentes do município e do estado. Já protocolamos junto ao IAP – Instituto Ambiental do Paraná os pedidos necessários para implantarmos aqui, o que há de melhor em termos de estação de tratamento de esgoto do Brasil. Além disso, em nosso parque no Rio de Janeiro, só trabalhamos com o que há de mais moderno e de ponta, no que se refere à filtragem da água das piscinas e tratamento bactericida, que é o chamado gás cloro; é o mais avançado tratamento de água para parques aquáticos do mundo”, explica Orlando.

Existe ainda dentro do parque um departamento de segurança humana que é chamado de Departamento de Aquática, o qual é responsável tanto pela verificação e inspeção diária de todos os equipamentos, de maneira que eles estejam aptos e seguros para o uso, como também o treinamento constante de equipes salva-vidas e de primeiros-socorros, treinadas pelo Corpo de Bombeiros nacional. Testes prévios diários são feitos, sempre horas antes do parque abrir suas portas ao público, segundo o engenheiro.

“Outra preocupação que já está mapeada em nosso projeto, e já é uma prática dos gestores deste grupo, é utilizarmos em nosso paisagismo o máximo de aproveitamento das espécies nativas da região, de maneira a integrar as pessoas ao meio ambiente ao qual elas já estão inseridas e familiarizadas”, explica o engenheiro do projeto.

Complexo como um todo

O parque aquático termal de Itaipulândia não será apenas um parque aquático aberto ao público para bilheteria. Os empresários cariocas projetaram não apenas um empreendimento, mas três: o parque aquático termal, que será o primeiro a ser entregue à população; um clube para associados, e ainda um hotel com espaço para centro de convenções. Esses dois últimos fazem parte de uma segunda etapa da obra, que prevê triplicar o investimento inicial assumido pelo grupo com a Prefeitura de Itaipulândia, que era de R$ 10,1 milhões, ou seja, num período que deve compreender os próximos quatro ou cinco anos, o grupo carioca estima investir em Itaipulândia e na região mais de 30 milhões de reais de recursos.

“Vamos entregar até o final de2012 aprimeira parte do parque aquático termal, para sócios e a população de maneira geral, além dos turistas que visitam a região. Na sequencia, a partir de janeiro de 2013, priorizaremos a conclusão do complexo do parque aquático, que deve ter sua entrega final em meados de 2013. Paralelamente a entrega do parque, já estaremos dando início à construção do clube e do hotel, que também contará com piscinas de ondas, áreas infantis, além de quadras poliesportivas, salas de jogos, saunas, 200 churrasqueiras, quadras de tênis e complexo gastronômico. Será um belo clube de campo e de lazer, com quartos à disposição dos moradores de Foz do Iguaçu e do entorno, com previsão  de entrega de 3 anos”, explica Gaspar, gestor do projeto da Rio Water Planet.

Títulos para associados

Com o objetivo de privilegiar os moradores do município de Itaipulândia, municípios vizinhos e todo o entorno de Foz do Iguaçu, o grupo decidiu realizar o lançamento de pequeno lote de títulos para associados do complexo, de maneira a oferecer a tranquilidade para o associado de ter sempre a sua disposição uma área de lazer completa, privada e sem ter que enfrentar grandes filas nos picos de alta temporada.  As cotas para associados oferecem uma série de benefícios, que vão desde o livre acesso ao clube e a todas as atrações disponíveis nesse espaço, à entrada no parque aquático, diárias de experimentação no hotel do complexo, assim que ele for inaugurado, além de descontos em shows que ocorrerem  nas dependências do parque e descontos em consumação dentro da área do complexo.

Os títulos serão vendidos em duas modalidades de diferentes valores, sempre para quatro participantes, independente do grau de parentesco e com pequena taxa de manutenção que será corrigida pelo salário mínimo vigente no Brasil. (Fonte: imprensa@itaipu.gov.br).

 

Assessoria de Imprensa: Katia Inacio e Ari Wolmuth

Compartilhar
Tamanho do texto Constraste
Buscar no site
Secretarias

Prefeitura Municipal de Itaipulândia

Paço Municipal Tancredo Neves - Rua São Miguel do Iguaçu s/n - Centro.
CEP 85880-000. Telefone (45) 3559-8000.

Desenvolvimento por Lucas Dillmann usando Software Livre. © 2014 Prefeitura Municipal de Itaipulândia. Reprodução total ou parcial mediante autorização prévia da Assessoria de Imprensa.